geral@fitproject.pt       917 769 566
 

5 Verdades sobre Exercício que ninguém quer acreditar

O sucesso no exercício, como na maioria das coisas na vida, pode resumir-se a dominar o "básico". 

Com isso em mente, aqui estão seis dicas essenciais para que possa ter sucesso no exercício físico.

1 . Precisa de se comprometer a longo prazo.

A maioria das pessoas trabalha com um objectivo a curto prazo em mente. É preferível olhar para a saúde de uma maneira diferente:

- O seu objectivo não deve ser “perder 10 quilos nos próximos 12 semanas”. O objectivo deve ser recuperar ou manter a sua saúde para o resto da sua vida.

- O seu objectivo não deve ser “fazer uma meia maratona”. O objectivo deve ser conseguir correr para o resto da vida.

- O seu objectivo não deve ser “sacrificar tudo para conseguir o seu melhor tempo na corrida do próximo mês”. O objectivo dever ser tornar-se mais rápido no próximo ano do que é hoje. E ainda mais rápido daqui a dois anos.

Os objectivos a curto-prazo ajudam a manter-se motivado e a delinear o caminho a seguir, mas é crucial que se comprometa com um processo de longo prazo – os resultados virão de qualquer maneira, e de forma mais duradoira e realista.

2 . Defina um calendário para o seu treino.

A maioria das pessoas não treina consistentemente, porque pensam que o treino se vai encaixar no seu dia-a-dia, naturalmente. Isso não acontece. Quem não programa o seu exercício diário/ semanal, dá por si constantemente a questionar-se:

"Vai-me apetecer treinar quando sair do trabalho?”

" Vou ter tempo livre para treinar hoje? "

"Será que tenho vontade para acordar cedo e correr? "

Por outras outras palavras: a maioria das pessoas treina quando se sente motivada e inspirada… e isso não permite uma rotina e frequência que traga reais benefícios à saúde.

Aqui fica uma ideia melhor: não veja o exercício como algo a fazer quando é conveniente e comece a definir uma agenda. Isto é o que faz a diferença entre os que cumprem e os que “se desleixam”.

Eu, por exemplo, treino às segundas, quartas e sextas-feiras às 19:00. Não tenho de pensar quando vou treinar. Não espero “que me sobre” algum tempo extra para treinar hoje. Em vez disso, eu coloco o treino num horário e organizo a minha vida e as restantes responsabilidades e actividades em torno dele (assim como organiza o seu dia em torno da sua reunião ou do treino de futebol do seu filho).

A definição de um horário para o seu treino torna-se ainda mais importante quando a sua vida fica mais ocupada. Haverá sempre emergências ocasionais que o impedem de treinar. Faz parte da vida. Mas quando existe um calendário definido é mais fácil e mais rápido “entrar nos eixos” outra vez.

3. Foque-se nos melhores exercícios

Muitas pessoas perdem tempo no ginásio a fazer exercícios pouco indicados, com pouco gasto calórico e com pouco “transfer” para o seu dia-a-dia, isto é, que não trazem benefícios evidentes para a sua saúde individual e exigências do quotidiano.

A melhor forma de ter um treino eficaz é aconselhar-se com um profissional, que o ajude a definir um programa de treino eficaz e adequado às suas necessidades e expectativa. Mas, mas para ajudar, aqui fica uma pequena lista de alguns exercícios que, pela sua importância global, devem estar sempre presentes, em qualquer treino: agachamentos; flexões de braços, elevações, andar ou correr e prancha.

4. Deve progredir lentamente todas as semanas

A maioria das pessoas que começam a treinar regularmente, fazem sempre os mesmos exercícios, com as mesmas cargas, da mesma forma… O mais provável é não alcançarem os objetivos pretendidos, já que o ideal é variar os seus treinos todas as semanas, seja adicionando cargas mais pesadas, intercalando com outro tipo de exercícios, ou treinando mais rápido (descansando menos). Seja qual for a mudança, o importante é não fazer sempre a mesma coisa, para evitar que o seu corpo se acomode e impeça a evolução.

5. Aponte os seus treinos

Na vida, como no treino, o que é medido é melhor gerido. Deve registar os seus treinos – se não o fizer, como vai saber se está a cumprir e evoluir? Compre um caderno pequeno ou utilize o seu telemóvel, e escreva o seu treino. Assim vai controlar melhor a sua evolução, quer ao nível da resistência cardiovascular, quer ao nível da força. Ao registar estes aspectos, consegue fazer ajustes mais objectivos e controlar melhor a eficácia do programa que iniciou.

Bons treinos!